PDA

Ver Versão Completa : Se a moda pega, ficaríamos sem candidato.



CapBlah
30/09/2006, 14:47
Ex-parlamentar chinês é executado por corrupção

Publicidade

da Efe, em Pequim

Sang Yuechun, ex-membro da Assembléia Nacional Popular chinesa --principal órgão do Pode Legislativo do país-- foi executado por corrupção, posse ilícita de armas, proxenetismo e violação.

Sang ocupou a presidência de uma importante corporação industrial e comercial e foi parlamentar de 1996 a 2000.

O Tribunal Popular Supremo, que confirmou a execução, considerou Sang culpado de se apropriar de fundos públicos e subornos no valor de US$ 15 milhões, mas não deu informações sobre os outros delitos.

O governo federal chinês afirma que a luta contra a corrupção no Partido Comunista é um de seus principais objetivos. Só nos últimos 12 meses, foram condenados 1.932 altos membros.

Segundo dados da ONG Anistia Internacional, pelo menos 3.900 pessoas foram condenadas à morte e 1.770 executadas na China em 2005, país responsável por quase 90% das penas capitais de todo o mundo.

fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u100492.shtml

bombacha
30/09/2006, 16:50
O Brasil não tá longe. Cristovam Buarque propôs transformar a corrupção em crime hediondo. O RDD e certas disposições da Lei de Execuções Penais beiram o direito praticado na Idade Média. E ainda querem, também, a pena de morte.

Uma vez um deputado - Amaral Netto - insistiu na idéia da pena capital. O projeto do vivente ensejou talvez a melhor proposta de lei, feita por Millor:

Artigo 1. É instituida a pena de morte no Brasil.
Artigo 2. Executa-se o deputado Amaral Netto.
Artigo 3. Revoga-se a pena de morte no Brasil.